03/01/2018

Primeiro empreendimento da MRV Engenharia com IPTU Verde é de Curitiba (PR)

Moradores do Parque Chalet terão desconto de 50% no imposto de 2018, com a preservação de Bosque Nativo

A MRV Engenharia, maior construtora da América Latina, inicia por Curitiba (PR) a utilização do IPTU Verde (Imposto Predial e Territorial Urbano), no empreendimento Parque Chalet, no bairro do Pinheirinho, região de grande concentração populacional na capital paranaense. O benefício, outorgado pela prefeitura municipal, foi obtido principalmente pela preservação do Bosque Nativo, que compreende 25% do terreno de 25,7 mil m² do residencial, e resultará aos moradores um desconto de 50% no valor do tributo em 2018.

No Parque Chalet, a MRV reforça a preocupação da companhia com a sustentabilidade, garantindo assim a sobrevivência da fauna e flora que circundam a área residencial. Todo o projeto foi desenvolvido para atender os critérios de pontuação da legislação específica do município, que leva em conta diversos fatores como gestão sustentável das águas, eficiência e alternativas energéticas, projeto sustentável, diminuição das emissões de gases de efeito estufa, entre outras características.

O benefício deve ser renovado anualmente, e o valor do desconto varia de acordo com a quantidade de araucárias presentes no terreno, ou com o tamanho do bosque nativo. Segundo o diretor de Produção da MRV Engenharia para a região Sul, Ralf Haddad, a construtora está preocupada em criar soluções sustentáveis e contribuir para o desenvolvimento de práticas ambientalmente comprometidas. “Temos em nossa identidade corporativa posicionamentos engajados com o futuro, investindo na preservação do meio ambiente e na redução dos impactos de nossas obras”, destaca o executivo. 

O diretor reforça ainda que o IPTU Verde incentiva os proprietários dos imóveis a também se comprometerem com o bem-estar ambiental por meio do desconto tributário. “É uma maneira de motivar a preocupação dos moradores em preservarem a fauna e a flora do local”, finaliza. A MRV espera implementar essa iniciativa em outras cidades brasileiras que oferecem esse benefício.

Sobre o IPTU Verde - A proposta, presente em diversas cidades brasileiras, estimula práticas e rotinas sustentáveis, premiando estas ações com descontos nas alíquotas do IPTU. Desta forma, o IPTU Verde bonifica contribuintes que investem em tecnologias e soluções ambientalmente responsáveis na realização de projetos de construção ou reforma.

ÚLTIMOS RELEASES

10/01/2018

Instituto MRV doa triturador de vidros para a Associação Tiradentes Lixo Zero

Os coletores também passarão por capacitação para operação do equipamento

Leia mais

04/01/2018

Projeto de energia fotovoltaica da MRV vence Prêmio da editora PINI

A iniciativa da construtora foi a vencedora na categoria Iniciativa Setorial do Prêmio PINI Melhores da Construção 2017

Leia mais

27/12/2017

Residencial da MRV Engenharia próximo à praia atrai quem deseja realizar o sonho da casa própria

Mais de 30% das unidades do Mirante da Barra já foram vendidas

Leia mais

21/12/2017

MRV Engenharia conquista primeiro lugar no Prêmio Segurança do Trabalho Sinduscon-MG Seconci-MG 2017

Boas práticas da construtora foram reconhecidas em duas categorias

Leia mais

18/12/2017

MRV Engenharia lança plataforma virtual para venda de Kit Acabamento

PERSONALIZAÇÃO DE IMÓVEIS NA PLANTA OFERECE COMODIDADE E VALORIZAÇÃO

Leia mais

15/12/2017

MRV Engenharia lança 1° empreendimento do complexo Portal Vila das Praias

O residencial Parque Vila de Camburi contará com um clube com mais 20 itens de lazer

Leia mais

14/12/2017

PROJETOS BENEFICIADOS PELA SEGUNDA CHAMADA PÚBLICA DO INSTITUTO MRV APRESENTAM SEUS RESULTADOS

O evento de apresentação dos resultados do Educar para Transformar acontece no Museu Inimá de Paula em Belo Horizonte

Leia mais

12/12/2017

MRV Engenharia investe R$ 50 bi nos próximos dez anos

Investimento será aplicado na construção de imóveis econômicos em todo o País até 2028

Leia mais

COMPARTILHE ESSA INFORMAÇÃO COM SEUS AMIGOS, FAMILIARES E CONHECIDOS.