16/09/2020

MRV investe no digital para ampliar número de corretores

Maior incorporadora do país pretende quintuplicar o número de corretores que vendem seus produtos

Thiago Ely, diretor executivo comercial da MRV.

A MRV vai adotar, a partir deste mês, nova estratégia digital para ampliar sua força de vendas e, consequentemente, a comercialização de imóveis. A maior incorporadora do país pretende quintuplicar o número de corretores que vendem seus produtos e passar a contar também com indicação de potenciais clientes por parte de pessoas que não estão comercializando imóveis.

A meta de expansão das vendas por meio da iniciativa chamada de “Agente de Sonhos” não é informada, mas a intenção é crescer de “forma exponencial”, segundo Thiago Ely, diretor executivo comercial da MRV. “Estamos bem confiantes que a companhia poderá mudar de patamar com a maturidade do programa”, afirma Ely.

Os investimentos na plataforma que dará suporte ao incremento buscado pela incorporadora fazem parte do aporte de R$ 80 milhões destinado ao segmento digital, anualmente, a partir de 2020. Nos últimos cinco anos, a companhia investiu o total de R$ 350 milhões na sua transformação digital.

Atualmente, a MRV tem, em sua base de vendas, cerca de 4 mil corretores autônomos frequentes. A intenção é que, com a nova ferramenta disponível em seu site, o número de profissionais de corretagem que oferecem aos clientes imóveis da incorporadora chegue a 20 mil, ainda que parte desses profissionais seja esporádica. Há expectativa também que, incluindo quem indicar potenciais interessados a algum corretor, pelo site, o total de pessoas envolvidas com o processo de comercialização de unidades da MRV chegue a 200 mil.

Corretores que não fazem parte da base da incorporadora receberão valor fixo de R$ 800 a R$ 1.200 por venda, conforme a região e o preço médio do produto. Segundo o executivo, os profissionais de corretagem que já comercializam produtos da companhia recebem valor maior, devido às premiações de incentivo. “Os corretores associados são mais engajados nos plantões de vendas”, compara Ely.

Aos poucos, benefícios de venda serão incluídos também na plataforma, conforme a frequência de comercialização pelos profissionais que não estão na base da incorporadora.

Quem não for corretor e recomendar um potencial comprador de imóveis da MRV a um corretor, pela plataforma de vendas, receberá entre R$ 500 e R$ 1.000 se o negócio for fechado e desde que o cliente já não esteja cadastrado pela incorporadora. O diretor comercial conta que se trata de uma indicação e ressalta que a venda sempre será realizada por profissional cadastrado no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci). “Ninguém sem Creci pode fazer a venda de um imóvel”, afirma Ely.

Segundo o executivo, não haverá nenhum tipo de pressão de margens em decorrência da nova estratégia. “Teremos um potencial de vendas para clientes que antes não chegavam à MRV. A iniciativa é um incremento à nossa base de hoje”, afirma o diretor comercial, acrescentando que parcerias com as imobiliárias terão continuidade.

A nova estratégia será adotada nas 164 cidades em que a incorporadora está presente e em todos os tipos de imóveis - os incluídos no programa habitacional Casa Verde Amarela e os de valor superior, financiados com recursos da poupança.

“A transformação digital está melhorando a experiência dos clientes”, afirma o executivo.

No segundo trimestre, a MRV teve vendas líquidas recordes de R$ 1,82 bilhão, com crescimento de 37,6% na comparação anual. Os lançamentos caíram 47,9%, para R$ 942 milhões. De janeiro a junho, as vendas aumentaram 32,7%, ante o primeiro semestre de 2019, para R$ 3,489 bilhões. Os lançamentos foram reduzidos em 30,2%, para R$ 3,489 bilhões.

Últimas notícias

02/06/2021

MRV destaca mulheres que fazem pedidos de casamento

Campanha criada pela SunsetDDB fala em empoderamento feminino e apresenta promoção para Mês dos Namorados

Saiba Mais

13/05/2021

MRV tem lucro maior no 1º trimestre, mas proteção contra inflação queima caixa

MRV tem lucro maior no 1º trimestre, mas proteção contra inflação queima caixa MRV tem lucro maior no 1º trimestre, mas proteção contra inflação queima caixa

Saiba Mais

13/05/2021

MRV vende mais do que o esperado nos EUA e avalia acelerar projetos

A MRV avalia revisar para cima seus planos de crescimento nos Estados Unidos, maior mercado imobiliário do mundo. A brasileira é dona da AHS

Saiba Mais

05/05/2021

MRV reforça marca com manifesto

A empresa conta como espera e planeja o futuro, construindo inovações que reduzem o impacto ambiental e social, promovendo o acesso de todos os brasileiros a um lar digno e de qualidade

Saiba Mais

23/04/2021

MRV paga R$ 130,6 milhões em dividendos

Proventos são pagos no dia 11 de maio; dividendos são parcela de lucro das empresas distribuídas aos acionistas

Saiba Mais

23/04/2021

Abrainc: continuidade de obras do MCMV é fundamental para gerar empregos e renda

Saiba Mais

09/04/2021

Um mercado resistente ao vírus

Juros ainda baixos, boa oferta de apartamentos, fim das viagens e menores gastos com lazer direcionam recursos para a compra do imóvel novo

Saiba Mais

09/04/2021

O plano americano das empresas

Sinais de recuperação da economia, vacinação avançada, pacote trilionário do governo e resgate das políticas ambientais fazem empresas brasileiras aumentar a aposta nos Estados Unidos.

Saiba Mais

Compartilhe essa informação com seus amigos, familiares e conhecidos.